Mercado

Fremplast comemora 40 anos

0

Uma história de que se mistura com a da serigrafia brasileira

Fundada em 1976 por José Roberto Andreasi, a história da Fremplast tem muito a ver com a história evolutiva da própria serigrafia brasileira. Com a ideologia de ajudar a crescer o setor de serigrafia, oferecendo produtos de qualidade com produção nacional, a empresa cresceu e hoje é uma das maiores fabricantes brasileiras de tintas, vernizes para serigrafia e produtos para foto estampa, quadros e gravação de cilindros.

Com espírito pioneiro, o químico José Roberto Andreasi, então técnico de estamparia da Basf Brasil, viu no mercado uma oportunidade única: fabricar emulsões, lacas, vernizes e adesivos para tela no Brasil. “Não existia emulsão direta boa no mercado brasileiro, só havia as importadas e mesmo assim precisando ser adequadas às nossas condições e equipamentos. Vi ali a oportunidade de produzir algo que sabia que o mercado precisava e consumiria com certeza”, comenta José Roberto Andreasi, fundador da empresa. “Junto com minha esposa Tânia Andreasi e mais 3 colegas de trabalho que eu convivia desde a época da Velupres e Karibe – o Francisco, o Elifas e o Moacir -, montamos a Fremplast, cujo nome é uma junção das nossas iniciais com o ‘plast’, de plastificante”, explica.

Logo em seguida, a Fremplast já começou a produzir tintas justamente para atender o mercado das pequenas empresas, que a Basf não tinha interesse. “O início foi bem difícil, até mesmo para conseguir fornecedores, pois éramos pequenos e muitos fornecedores não queriam vender quantidades menores para mim. Acabei até virando cliente da Basf, que chegou a desenvolver um ligante sob encomenda para nós. A Fremplast foi crescendo e comecei a produzir também os produtos de cura ao ar”, relembra.

Aos poucos, os outros sócios foram saindo da sociedade e a empresa foi crescendo a ponto de se tornar uma das líderes de mercado. “Quando teve a primeira feira de serigrafia brasileira, no Hotel Nacional, no Rio de Janeiro, já éramos muito conhecidos, a ponto de termos que passar uma faixa em volta do estande e controlar a entrada das pessoas, de tanta gente que tinha lá dentro, por conta das novidades tecnológicas apresentadas. Nunca apresentávamos as palestras para menos de 300 pessoas; eu e os técnicos de outras empresas”, comenta José Roberto.

Nessas quatro décadas, a Fremplast coleciona vitórias e também algumas derrotas, mas sagrou-se no mercado como uma empresa pioneira, sempre apresentando lançamentos em produtos que muitas vezes revolucionaram o mercado. “Passamos nosso pior momento na época do Plano Collor, mas com a ajuda do próprio mercado por conta da nossa reputação e com a participação dos meus filhos e esposa na direção da empresa, conseguimos nos reerguer e estamos aqui, firmes e fortes. Nossa história é rica em grandes personagens, como grandes clientes e excelentes colaboradores. É essa mistura que faz o sucesso da empresa. Trabalhamos ao lado de nossos colaboradores para trazer sempre as melhores soluções para o crescimento do mercado e crescemos junto com ele”, diz.
Com a entrada dos filhos Rodrigo, Leandro e Ana Carolina que se juntaram aos pais na sociedade da empresa, foi fundado o grupo FS GUARU, fazendo nascer novas tecnologias, como a linha CROMAJET, uma das primeiras tintas de sublimação água e ecossolvente totalmente produzida com tecnologia nacional, além das tintas plastisol, linhas de tintas solventes, UV e produtos base água dentro das normas ecológicas e de acordo com as exigências do mercado nacional. Em 2015 foi fundada a nova unidade fabril da Fremplast no Ceará, a Fremplast Nordeste.

Com a tradição conquistada com muito trabalho e desenvolvimentos pioneiros, a Fremplast é hoje reconhecida nacional e internacionalmente como uma das maiores empresas brasileiras da área de produtos serigráficos, contando com uma matriz própria com 8.000 m² de área construída e mais 4 filiais (São Paulo, Rio de Janeiro, Fortaleza e Recife). A empresa conta, ainda, com um CTF – Centro de Treinamento Fremplast -, um dos maiores e mais completos da América do Sul, para atender clientes e revendedores que necessitem de informações e treinamentos acerca de aplicações e produtos da empresa, além de um auditório com capacidade para 60 participantes, onde são ministrados diversos cursos ligados ao ramo.

“Sabemos que para permanecermos 4 décadas no mercado só foi possível pela fidelidade que temos de nossos clientes e é por eles que caminhamos sempre em busca de novas descobertas e desafios. A eles devemos o nosso sucesso; a eles o nosso muito obrigado!“, finaliza José Roberto Andreasi.

Agreste Tex 2016 supera expectativas e gera bons negócios

Anterior

Se ninguém fala…

PRÓXIMO

Você pode gostar

Comentários

Comments are closed.

Mais em Mercado